Quem Somos

Quem é o Leiloeiro?
Eduardo de Werk é Leiloeiro Público Oficial – Matr. AARC / 190.
A que está disposto o Leiloeiro?
Está disposto a realizar leilões judiciais, extrajudiciais, governamentais e leilões privados no Estado de Santa Catarina, de forma presencial e futuramente on line, exercendo seu ofício de forma dinâmica, criativa e eficaz, transmitindo segurança jurídica nos atos que pratica a todos os interessados (Comitentes e Arrematantes).
Encaminha mala direta - newsletter às pessoas cadastradas e potencialmente compradoras de seus leilões via site e em seu banco de dados, além de fazer parceria na divulgação de seus leilões com jornais e periódicos.
Já possue experiência em leilões?
Sim.
Já realizou diversos leilões com a venda de mais 3.000 bens a diversos arrematantes do Estado de Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo.
Seus leilões proporciona uma satisfação de venda para o Comitente e um excelente negócio para o Arrematante.
Trabalha com alguma equipe?
Sim.
Nos leilões de grande porte trabalha em conjunto com uma equipe devidamente preparada e experiente para atender melhor as necessidades do Arrematante e do Comitente, transmitindo com segurança todas as informações que estão previstas em cada edital de leilão.
Qual é a sua estrutura lógica?
Possue diversos computadores e impressoras de pequeno e médio porte, bem como fotocopiadoras. Utiliza de um sistema eletrônico e informatizado com softwear próprio para emissão de toda a documentação pertinente ao leilão, inclusive com a emissão de diversos relatórios finais ao Comitente, devidamente discriminados pelo valor de arremate de cada lote e a identificação completa de quem os arrematou.
Possibilita ainda a emissão de boleto bancário para pagamento dos lotes em favor do Comitente e do próprio leiloeiro, trazendo melhor segurança no recebimento desses valores.
Disponibiliza local para seus eventos?
Sim.
Sim. Se o Comitente preferir, seus leilões podem ser feitos em locais que não comprometam o trabalho e a segurança da sua empresa.
Quais foram seus últimos Comitentes?
Nos últimos meses realizou leilões para o Detran/SC, Vara Civel, Vara da Familia, Vara da Fazenda e Juizado Especial da Comarca de Brusque, Vara Civel e Criminal da Comarca de Laguna, Vara Federal da Comarca de Brusque dentre outros.
Quem pode participar dos leilões?
Quando pessoa física, os arrematantes deverão ser maiores e capazes, portadores de documento de identidade com foto e Cadastro de Pessoa Física - CPF. Na impossibilitade de comparecerem no dia do Leilão, poderão ser assim representadas por procuração com poderes específicos e firma reconhecida em cartório.

Quando pessoa jurídica, seus representantes deverão comparecer munidos do respectivo contrato social, e documento de identidade com foto e CPF. Caso não tenha poderes de compra em nome da empresa, o representante deverá ainda trazer uma procuração com poderes específicos e firma reconhecida em cartório, outorgada pelo administrador da respectiva empresa interessada.
A Nota de Venda em Leilão dos bens arrematados sairá em nome de quem os arrematou, assim como a carta de arrematação, não sendo permitida a compra em nome de pessoa que não esteja nas condições de cadastro.
Quais são as formas de leiloar ?
Atualmente existem 3 formas de leiloar um bem. Existe tradicionalmente o leilão presencial com início e término na presença dos interessados, o leilão on line com término presencial, e só o leilão on line. Todos devem ser conduzidos e estarem sob a responsabilidade de um Leiloeiro Público Oficial.
Quais são os tipos de leilões que existem?
Existem 4 tipos de leilões. Os Leilões Judiciais, os Leilões Extrajudiciais, os Leilões Governamentais e os Leilões Privados.
O que é um Leilão Judicial?
O Leilão Presencial Judicial é a modalidade de licitação para venda de bens que foram penhorados por força de um processo de execução judicial, pelo qual o Juiz autoriza a venda destes bens por intermédio de um Leiloeiro Público Oficial que, através do Edital de leilão, convida os interessados a comparecerem no dia, na hora, e no local determinado. Ex.: Editais de Leilões Judiciais.
O que é um Leilão Extrajudicial?
Com base na legislação própria, o Leilão Extrajudicial é a modalidade de licitação para venda em leilão de bens de particulares chamados Comitentes (pessoas físicas ou jurídicas), que autorizam o Leiloeiro Público Oficial a vender estes bens por intermédio de um Edital de Leilão, convidando os interessados a comparecerem no dia, na hora e no local determinado. Ex.: Leilões de Imóveis da Caixa Econômica Federal.
O que é um Leilão Governamental?
São leilões realizados por interesse de entidades públicas vinculadas com a União, Estado ou Município. Ex.: Edital de leilão do DETRANS/SC, CIASC, CELESC, Sec. Administração do Estado, etc...
O que é um Leilão Privado?
São leilões realizados por interesse de entidades privadas como empresas privadas sem vínculo com a União, Estado ou Município. Ex.: Edital de leilão de desfazimento de bens inservíveis de uma Construtora, uma Importadora, etc...
Gostaria de colocar a venda alguns bens e não sei como organizar um Leilão?
A Só Leilões, através do Leiloeiro Giovano A. Alves e da sua parceria com outros profissionais altamente especializados, tem a condição de organizar todo o acervo de bens destinados a venda pública em Leilão do seu interesse, com o levantamento documental de todo o patrimônio (móveis e imóveis), inclusive com a sua respectiva avaliação e notificações se caso for preciso.
Tenho um pátio de veículos apreendidos, como faço para organizá-lo e fazer um leilão?
Com larga experiência nesse ramo, disponibilizamos de toda a estrutura necessária para organizar o seu pátio de veículos apreendidos, desde o seu recebimento até a efetiva disposição a venda pública em Leilão, inclusive com a avaliação do veículo e inutilização e destruição do chassi para baixa no DETRAN, conforme o caso, e de acordo com toda a legislação em vigor. Prestamos a devida assessoria, consultoria e treinamento de pessoal para o fiel desempenho de guarda e responsabilidade do seu pátio, dispondo ainda de um software específico para cadastro e armazenamento de todas as informações necessárias, com a emissão de relatórios de entrada, de saída e de permanência de veículo em pátio.
Quais são as recomendações que o Leiloeiro sugere aos interessados que desejam comprar em Leilões?
O Leiloeiro sugere que as pessoas sempre leiam atentamente o edital de leilão, principalmente as condições quanto a visitação dos bens, o pagamento da arrematação e taxas, se houver, as condições para ser arrematante, a data e o local do leilão, bem como a data da retirada do bem do local onde se encontra.
Se persistirem dúvidas sobre o edital ou demais aspectos, o interessado poderá solucioná-la antes do evento, entrando em contato com o leiloeiro ou com o Comitente do leilão, ou no próprio dia do leilão após a leitura do edital.
É importante que o arrematante tenha sempre uma cópia do edital com a relação de bens em anexo e leve-o no dia do leilão.
Em relação a bens móveis e bens imóveis, é sempre importante que o interessado verifique seus débitos junto aos órgãos competentes, e as condições de quem paga, bem como que retire uma cópia da matrícula atualizada do imóvel no registro competente.